A Tríade do Empreendedor #3

Estratégia focada em pessoas

O mundo mudou e as pessoas também! A jornada do empreendedor tem muitas etapas, que vão desde o planejamento do negócio até a abertura e divulgação. Não há nada de errado em pensar em conseguir o retorno financeiro para suprir o investimento feito para a realização do sonho de empreender, exceto quando se esquece do tópico principal: saber para quem está vendendo.

Preparamos este artigo para mostrar para você, empreendedor, a importância de estudar a fundo as pessoas para quem o seu negócio está direcionado. Pode parecer simples, mas dependendo do ramo da sua empresa, é preciso pensar em uma estratégia que envolva mais que uma precificação justa e competitiva, digamos que conquistar o coração e a mente do seu público-alvo é primordial para garantir que o lucro seja uma realidade.

Continue lendo e entenda como conquistar pessoas (clientes) para sua empresa!

A Tríade do Empreendedor: Marcas, Tecnologia e Pessoas

Nos dois artigos anteriores, falamos sobre a importância de focar na construção de uma marca sólida e nas vantagens que a tecnologia pode proporcionar a sua empresa através de ferramentas de otimização e análise de resultados.

Ao longo desta série sobre a Tríade do Empreendedor sempre focamos na importância de trabalhar as três etapas de forma conjunta, pensando sempre no principal elemento: as pessoas. Pois, afinal de contas, a forma de pensar mudou, a forma de percepção sobre empresas não é mais a mesma, o consumidor mudou, drasticamente.

Entender quem é o seu consumidor, seus gostos, aspirações, não é questão de capricho, é sobrevivência. As pessoas estão cada vez mais exigentes não só quanto ao seu preço e qualidade, querem saber o posicionamento da sua empresa, querem ser ouvidas, querem contribuir de alguma forma, querem se sentir parte da sua empresa.

Para saber como as pessoas se comportam enquanto consumidores é necessário antes entender a evolução do Marketing e em que pé estamos hoje. Confira!

Marketing e pessoas: A evolução na forma de vender

Você com certeza já ouviu falar em Marketing 1.0, 2.0 e 3.0. Fomos todos apresentados a eles pelo grande Philip Kotler, pesquisador e professor de Marketing. O autor explica em seus livros que com o passar do tempo, a forma de fazer negócios mudou por influência da evolução das pessoas como consumidores. 

Marketing 1.0 – FOCO NO PRODUTO

  • Produtos genéricos;
  • Pouca concorrência;
  • Produção em larga escala;
  • Sem preocupação das empresas com a satisfação dos clientes;
  • Preço acessível.

Marketing 2.0 – FOCO NO CONSUMIDOR

  • Consumidor com maior acesso à informação;
  • Maior comparação de preços pelo consumidor;
  • Não aceitação de produtos genéricos;
  • De meros compradores a clientes;
  • Empresas adotam a qualidade como diferenciação competitiva.

Marketing 3.0 – FOCO NOS VALORES

  • Tratamento do cliente como ser humano pleno (mente, coração e espírito);
  • Empresas oferecem experiência e não só produto e serviço;
  • Marcas atentas aos valores e desejos do consumidor;
  • Empresas ativas visando contribuir para a sociedade;
  • Era de consumidores ativos e engajados.

Conheça agora a nova Era do Marketing!

Marketing 4.0 – O consumidor tem poder

O Marketing tradicional ainda respira, e ao contrário do que muitos pensam, ele não ganhou um inimigo, mas sim um forte aliado de vendas: o marketing digital.

O marketing 4.0 estuda o marketing digital e o novo perfil dos usuários da web como consumidores. Assim como o Marketing 3.0 já propunha uma nova abordagem das empresas em relação ao ser humano, o 4.0 alia estas questões ao cenário empresarial digital. Pessoas são o foco, e como já disse o guru do marketing:

“Um profissional de vendas bem-sucedido cuida primeiro do cliente, depois dos produtos.” (Philip Kotler)

A frase também se aplica muito bem a você, empreendedor!

O cenário do marketing e vendas atingiu um novo patamar após a ascensão da tecnologia e da conectividade. A comunicação era feita de poucos para muitos. As grandes empresas, detentoras de maior poder aquisitivo, tinham mais espaço de mídia. Basicamente, comunicação vertical, de cima para baixo, de poucos para muitos.

A internet democratizou as relações interpessoais, e com os negócios não seria diferente. A comunicação se tornou horizontal. O consumidor ganhou uma ferramenta importante para exercer seu direito de opinião e de cobrar as marcas, seja nas redes sociais, em blogs pessoais e até mesmo gravando seus vídeos.

O micro, pequeno e médio empreendedor, agora consegue investir em Marketing Digital e colocar sua empresa em evidência, nas mesmas plataformas que as grandes empresas. Com uma boa estratégia e gerando envolvimento, ganhar mercado é possível.

Se você não tem tido sucesso com o marketing digital ou nunca tentou, aqui vai uma dica preciosa: foque nas pessoas. Não existe receita de bolo para o sucesso, mas existe estratégia e estratégia sem um público definido, na maioria dos casos, é em vão.

Confira agora como funciona o processo de decisão do seu cliente, pois, dessa forma, fica muito mais fácil desenvolver uma estratégia de vendas e focar nos canais mais adequados para divulgar sua empresa, produto ou serviço.

A Jornada do Cliente

1 – Conhecimento

Na primeira fase da jornada seu cliente reconhece que tem uma necessidade ou problema a ser resolvido. Mantenha suas redes sociais sempre ativas e seu site amigável e relevante para este usuário.

2 – Informação

Após reconhecer a necessidade, o cliente começa a pesquisar a respeito e conhecer as possíveis empresas que pode contratar ou o melhor produto para comprar. Invista em conteúdo, postagens relevantes e materiais que orientem e resolvam problemas relacionados ao que o seu produto ou serviço resolve.

3 – Avaliação

Seja em web sites, redes sociais e também por influência de conteúdo,  usuário tende a avaliar qual a melhor opção para fechar. Disponibilizando um bom conteúdo e sendo prestativo em suas redes sociais, sua empresa garante pontos com este possível cliente.

4 – Decisão

Avaliadas as possibilidades, é hora de efetuar a compra. O consumidor 4.0 leva em consideração várias características como: benefícios, durabilidade, valor, indicações positivas de outros compradores, ajuda que recebeu através de conteúdo, atendimento, preço e qualidade. Com uma estratégia bem estruturada sua empresa sai na frente da concorrência perante este cliente.

5 – Defesa

Esta é a fase mais pregada pelo Marketing 4.0. Ao entregar um produto ou serviço de qualidade e investir em um pós-venda eficiente, sua empresa ganha mais que um cliente, conquista um defensor da marca. Foque em conquistar defensores e terá sucesso garantido.

E aí, gostou deste artigo? Leia os dois artigos anteriores da série Tríade do Empreendedor: Marcas e Tecnologia.

Este artigo foi inspirado em uma das próximas palestras do Capital Empreendedora, do grande Gustavo Zobaran – Head em Inovação Digital. O palestrante já cuidou de clientes como Youse. Se inscreva em nossa lista de emails e fique por dentro das palestras e novidades do nosso próximo evento Capital Insights.

Aprenda como fazer seu negócio crescer

18733

Conteúdo por e-mail

Dicas e insights de empreendedorismo para seu negócio crescer rápido e com segurança

17279

Cadastre-se na lista VIP

e receba conteúdo feito pelos maiores empreendedores brasileiros

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *